Gabarito Preliminar Concurso TST 2017 - Tribunal Superior do Trabalho




Os 105.370 inscritos para o concurso do TST (Tribunal Superior do Trabalho) realizam no domingo, 19, as provas objetiva e discursiva. A seleção visa o provimento de 52 vagas para os cargos de técnico e analista judiciários, sendo três reservadas a pessoas com deficiência e nove aos negros.

A aplicação ocorrerá em Brasília/DF e nas Regiões Administrativas de Águas Claras, Ceilândia, Guará, Sobradinho e Taguatinga. A convocação pode ser conferida neste link.

O processo seletivo também formará cadastro reserva para eventuais oportunidades, obedecida a ordem classificatória, durante o prazo de validade do concurso (de dois anos, a contar da data da publicação da homologação do resultado final, prorrogável uma única vez por igual período, a critério do TST).

Vagas no concurso TST

Profissionais que concluíram o ensino médio pôde se inscrever para o cargo de técnico judiciário nas áreas administrativa (22 vagas), administrativa - especialidade segurança judiciária (2) e administrativa - especialidade programação (17).

Quem possui nível superior encontrou opões como analista judiciário nas áreas administrativa (3), judiciária (3), apoio especializado - especialidade análise de sistemas (1), apoio especializado - especialidade contabilidade (1), apoio especializado - especialidade suporte em tecnologia da informação (1) e apoio especializado - especialidade taquigrafia (2).

Os salários iniciais oferecidos pelo TST são de R$ 6.376,41 para técnico judiciário e R$ 10.461,90 para analista judiciário, já inclusa a gratificação de atividade jurídica, para carga horária semanal de 40 horas.

Provas do concurso TST 2017

Os candidatos serão avaliados por meio de prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório. Ela será composta por questões de múltipla escolha que versarão sobre as disciplinas de língua portuguesa, raciocínio lógico-matemático, noções sobre direitos das pessoas com deficiência, regimento interno do TST e/ou conhecimentos específicos.

Todos os inscritos ainda realizarão avaliações discursiva, discursiva - estudo de caso e discursiva-redação, conforme o cargo pleiteado.

O concurso TST ainda contará com prova prática de capacidade física para a função de técnico judiciário - área administrativa especialidade segurança judiciária e prova prática de taquigrafia para analista judiciário - área apoio especializado - especialidade taquigrafia.

Atribuições dos cargos de nível médio do TST

Técnico judiciário área administrativa - prestar suporte técnico e administrativo às unidades organizacionais, magistrados e órgãos judicantes; executar trabalhos de redação e digitação de natureza variada, revisando-os antes de sua entrega definitiva; arquivar documentos em geral; efetuar tarefas relacionadas à movimentação e guarda de processos e de expedientes diversos; prestar informações ao público sobre questões relacionadas a sua unidade de trabalho; classificar e autuar processos; realizar estudos, pesquisas preliminares e rotinas administrativas; executar outras tarefas da mesma natureza e grau de complexidade.

Técnico judiciário área administrativa na especialidade de segurança judiciária - atuar na segurança pessoal dos senhores ministros e outras autoridades, em âmbito interno, com vistas a assegurar a integridade física; realizar investigações preliminares; conduzir veículos automotores para atender os ministros ou a segurança, quando necessário, nos termos da legislação vigente e de acordo com as instruções recebidas; vistoriar veículos e registrar a movimentação e o recolhimento tendo em vista o controle de sua utilização e localização; prestar primeiros socorros às vítimas de sinistros e outras situações de risco; atuar na segurança física e patrimonial das instalações do TST, com vistas à manutenção da ordem e garantia das normas vigentes, operando equipamentos quando necessário; verificar a permanência dos vigilantes nos postos de serviço, prestando o apoio necessário; fiscalizar as atividades de controle de entrada e saída de materiais, equipamentos e volumes das dependências do TST; executar ações de coordenação das atividades de prevenção e combate a incêndio e outros sinistros; auxiliar no serviço do gabinete, mediante determinação do ministro; executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Técnico judiciário área apoio especializado na especialidade de programação - elaborar programas, distinguindo seus objetivos, módulos e interligações, a fim de implementar e/ou manter o sistema definido pelo analista de sistemas; codificar, testar e documentar os programas; participar da definição de programas; programar utilitários e rotinas de apoio a sistemas operacionais; prestar atendimento às unidades do TST; executar outras atividades da mesma natureza e grau de complexidade.


Acompanhe a divulgação do gabarito e resultado final do concurso público


É necessário cadastrar seu e-mail abaixo para visualizar os arquivos!



Serviço


Lista de Aprovados – Aqui
Gabarito do Concurso Aqui
Resultado Divulgado – Aqui

Para mais informações consulte o nosso blog
SHARE

About Acessense

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário