Gabarito Extraoficial do Encceja 2017





Depois de ter sua data adiada por duas vezes, o Exame Nacional para a Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja) será realizado neste domingo (19) para mais de 1,5 milhão de estudantes em 564 cidades. Segundo o governo federal, o gabarito oficial será divulgado até o dia 1º de dezembro, mas a data de divulgação dos resultados individuais ainda não foi definida.

A prova não era aplicada desde 2014, já que o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) havia assumido a função de conceder o diploma do ensino fundamental e médio.

Como menos de 10% dos alunos conseguiam a certificação via Enem, o governo federal decidiu retomar o Encceja, que neste ano será feito por 301.583 candidatos que querem o certificado do ensino fundamental e 1.272.279 do ensino médio. De acordo com o Ministério da Educação, quem conseguir a pontuação mínima terá isenção automática no próximo Enem. A data de divulgação do resultado do Encceja ainda não foi anunciada.

Locais de prova


O candidato precisa consultar na página do participante (http://enccejanacional.inep.gov.br/encceja/#!/loginParticipante) O exame abrange 564 municípios distribuídos em todos os estados.

Veja abaixo o que é obrigatório para realizar o exame:

Documento com foto


É obrigatória a apresentação de um documento original com foto, como carteira de identidade, passaporte e carteira nacional de habilitação. Vale lembrar que carteirinha de estudante não é aceita nesse caso.

Cartão e caneta preta


O cartão de confirmação não é um documento obrigatório para a realização das provas, mas é recomendável que o candidato o tenha em mãos. Apenas canetas esferográficas de tinta preta, fabricada em material transparente, são aceitas nos locais de prova.

Itens proibidos


São proibidos objetos como lápis, caneta de material não transparente, lapiseira, borracha, livros, manuais impressos, anotações, dispositivos eletrônicos (calculadoras, telefones celulares, tablets), chaves, fones de ouvido, óculos escuros e artigos de chapelaria (boné, chapéu, viseira, gorro ou similares).

Porta-objeto


Quem estiver com algum desses itens precisará depositá-lo em um porta-objeto diante do fiscal antes do ingresso no local da prova. O envelope será lacrado e identificado com o nome do candidato. Celulares e outros dispositivos eletrônicos também serão guardados e precisarão, obrigatoriamente, estar desligados.

Lanches serão vistoriados


O candidato pode levar um lanche para a sala de exame, que será vistoriado pelo fiscal. É necessário que biscoitos e salgadinhos, por exemplo, estejam lacrados na embalagem original. Recomenda-se que sejam comidas leves.

Exame em dois turnos


Os portões dos locais de prova serão abertos às 8h e fechados às 8h45 (horário de Brasília). Os exames – ciências naturais, história e geografia, para ensino fundamental; e ciências da natureza e suas tecnologias; e ciências humanas e suas tecnologias, para ensino médio – terão início às 9h e serão encerrados às 13h.

Na parte da tarde os portões abrem às 14h e fecham às 15h15. As provas começam às 15h30 e vão até as 20h30. Para candidatos do ensino fundamental, os exames desse turno são de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes, educação física, matemática e redação. Já os candidatos do ensino médio farão provas de linguagens e códigos e suas tecnologias; redação; e matemática e suas tecnologias.

Total de questões e pontuação mínima


As provas objetivas terão, cada uma, 30 questões de múltipla escolha tanto para ensino fundamental quanto para ensino médio. Para obter o certificado ou a declaração de proficiência, o participante deve fazer, no mínimo, 100 dos 200 pontos possíveis em cada uma das áreas de conhecimento.

No caso de língua portuguesa, língua estrangeira moderna, artes e educação física, para candidatos do ensino fundamental; e linguagens e códigos e suas tecnologias, para ensino médio, é preciso obter, também, a proficiência em redação. Para isso, é necessário alcançar nota igual ou superior a cinco pontos, em uma escala que varia de zero a dez.

Emissão do diploma


O Encceja é realizado pelo Inep, mas compete às secretarias estaduais de educação e aos institutos federais de educação, ciência e tecnologia definir os procedimentos complementares para certificar os participantes ou emitir a declaração parcial de proficiência, com base nos resultados do exame.

As secretarias estaduais de educação listadas no edital do Encceja utilizarão os resultados individuais para a certificação no nível de conclusão do ensino fundamental e do ensino médio. Já os institutos federais o farão somente para certificar a conclusão do ensino médio.


Acompanhe a divulgação do gabarito e resultado final do concurso público


É necessário cadastrar seu e-mail abaixo para visualizar os arquivos!



Serviço


Lista de Aprovados – Aqui
Gabarito do Concurso Aqui
Resultado Divulgado – Aqui

Para mais informações consulte o nosso blog
SHARE

About Acessense

    Blogger Comment
    Facebook Comment

0 comentários :

Postar um comentário